Destaque

Dormentes, Bodocó, Afogados e Cabrobó na agenda de Raquel nesta sexta

Governadora Raquel Lyra assina ordem de serviço para requalificação de rodovia, inaugura estrada e entrega leitos de UTI A governadora...
Leia mais
Destaque

Cidades do Pajeú e Moxotó contempladas com creches e pré-escolas

Arcoverde, Custódia, Serra Talhada, Triunfo e Tuparetama estão entre os 42 municípios na lista anunciada pela governadora Raquel Lyra O...
Leia mais
Destaque

Afogados: Prefeitura vai entregar veículos para a atenção básica e equipamentos aos ACSs

A Prefeitura de Afogados vai entregar, nesta sexta (17), três novos veículos para reforçar o trabalho da secretaria municipal de...
Leia mais

Santa Terezinha: aprovada Moção de repúdio contra Secretário de Defesa Social Antonio de Pádua

Com informações e foto de Marcelo Patriota

Por unanimidade os parlamentares de Santa Terezinha aprovaram a Moção de Repúdio destinada ao Secretário de Defesa Social do Estado Antonio de Pádua,  pela transferência do delegado Rodrigo Passos.

Com a saída de Passos, o Delegado Regional Marlon Fronta ficou responsável pelo trabalho em Santa Terezinha, incumbência transferida depois para o delegado de São José do Egito Paulo Henrique, que atualmente responde cumulativamente pelas duas delegacias, nas duas cidades.

Os parlamentares criticaram o ofício de resposta do Secretário de Defesa Social afirmando que Santa Terezinha não tem prejuízo com a saída do Delegado, pois o município não registrou homicídios em 2019, como se apenas esse tipo de crime deveras ser impedido, ou investigado.

Uma cópia da Moção de Repúdio foi encaminhada ao Governador Paulo Câmara, nessa quinta (17). O presidente da casa Adalberto Júnior sugeriu que se faça o mais breve possível uma Audiência Pública com autoridades, juiz, promotor, delegado responsável e sociedade para discutir a segurança pública em Santa Terezinha.

Os vereadores lembraram que o município faz divisa com a Paraíba e disseram que a sensação de insegurança cresceu na cidade com a saída de Rodrigo Passos. “Era participativo e atuante, dando resposta à sociedade em crimes graves”.

Deixe um comentário