Destaque

Bolsa Família 2024: pagamentos de abril começam nesta quarta-feira (17)

A Caixa Econômica Federal inicia os pagamentos de abril do Bolsa Família nesta quarta-feira (17). Os primeiros a receber serão os beneficiários com Número de...
Leia mais
Destaque

Concurso dos Correios terá cargos de níveis médio e superior; veja novos detalhes

Os Correios divulgaram nesta terça-feira (16) mais detalhes sobre o novo concurso público da estatal. A empresa informou que vai...
Leia mais
Destaque

Governo Itinerante da Prefeitura de Iguaracy vai estar na comunidade do Logradouro nesta quarta-feira

Governo Itinerante da Prefeitura de Iguaracy irá se reunir nesta quarta-feira, só que desta feita, na comunidade do Logradouro, área...
Leia mais

Campus do IFPE de Afogados da Ingazeira lança edital do Programa de Aquisição de Material de Apoio

O Campus do IFPE de Afogados da Ingazeira, por meio da Coordenação de Apoio ao Ensino e ao Estudante (CAEE), lançou nesta terça-feira (19), o edital do Programa de Aquisição de Material de Apoio do semestre 2023.2.

As inscrições estarão abertas de 20 a 29 de setembro, exclusivamente pelo Sistema Fluxo, por meio do endereço: https://fluxo.ifpe.edu.br/accounts/login

Para ter acesso ao sistema, é necessário que o estudante tenha um e-mail estudantil, que pode ser conseguido pelo link: https://meuemail.ifpe.edu.br/estudantes/

A iniciativa repassará recursos financeiros a estudantes para a compra de itens como óculos corretivos, material didático essencial para o desenvolvimento de atividades relacionadas ao curso, recursos de tecnologia assistiva, equipamentos de proteção individual (EPI), dentre outros exemplos que contribuam para o êxito do processo formativo. O resultado será divulgado no dia 16 de outubro.

Pode se inscrever qualquer estudante regularmente matriculado no IFPE Afogados que:

  • realizar a inscrição, apresentar os documentos comprobatórios e cumprir os requisitos e as etapas estabelecidos no edital de seleção;
  • estar regularmente matriculado em no mínimo 3 (três) componentes curriculares;
  • não ter ultrapassado 2 (dois) semestres além do período mínimo de integralização do curso no qual está matriculado no IFPE;
  • possuir renda familiar per capita de até 1,5 (um e meio) salário mínimo, considerando-se a renda bruta familiar, ou ser oriundo/a de escola pública, e;
  • não apresentar pendências de prestação de contas em editais anteriores.

Após recebimento do recurso financeiro, o estudante deverá apresentar notas fiscais referentes à compra do item solicitado, no prazo máximo de 30 (trinta) dias, no Fluxo.IFPE. Em caso de pendência de prestação de contas, o estudante ficará impossibilitado/a de receber qualquer benefício da assistência estudantil até a regularização da situação.

O estudante deve anexar três cotações do material de apoio que necessita usando o modelo Anexo III. Para aquisição de materiais de apoio técnico às aulas, é necessário apresentar, além destas três cotações, a requisição de material solicitada pelo professor da disciplina, com assinatura e SIAPE (não há um modelo padrão, cada professor faz a sua).

Em todos os casos, os estudantes devem anexar o comprovante de conta bancária em seu nome (constando nome completo, banco, número da agência, número da conta e tipo de conta). Não existe valor específico para o benefício, em todos os casos, será considerado o menor valor dos 3 orçamentos apresentados.

Dúvidas podem ser enviadas para: cae@afogados.ifpe.edu.br ou podem ser tiradas de forma presencial, na sala da CAEE, no Bloco F.

Pe Notícias

Secretaria de Cultura divulga cronograma de execução da Lei Paulo Gustavo em Afogados

A Secretaria de Cultura e Esportes de Afogados divulga o cronograma de execução da lei Paulo Gustavo no âmbito do município. Confira os prazos:

29 de Setembro – Lançamento e publicação dos editais

12 a 30 de Outubro – Prazo para inscrições de projetos

Até 27 de Novembro – Publicação dos projetos selecionados

30 de Novembro à 28 de Dezembro – Pagamentos

Informamos que os Artistas e produtores terão até 06 (seis) meses para execução dos projetos selecionados.

Nesta sexta (15), Prefeito Sandrinho vai entregar mais uma pavimentação em Afogados da Ingazeira

O Prefeito de Afogados, Sandrinho Palmeira, na 33a semana da Maratona de inaugurações e entregas, vai ao bairro São Braz, entregar à população o primeiro trecho pavimentado de uma das maiores ruas de Afogados: a Antônio Medeiros Filho, que liga o bairro São Braz ao residencial Dom Francisco.

Nesse primeiro trecho, próximo à subestação da Celpe, foram pavimentados os 273 metros iniciais da via, com piso intertravado, e um investimento de R$ 198 mil. A entrega acontece nesta sexta (15), a partir das 16h.

Almir abrilhanta festa pelos 64 anos da Rádio Pajeú

O cantor Almir, a voz dos grandes sucessos da Banda The Fevers, será o nome que vai abrilhantar a festa pelos 64 anos da Rádio Pajeú, dia 4 de outubro, no Cine São José.

O nome foi confirmado hoje. Almir inicia seu show às 21h, no palco do Cine Teatro São José.

Antes, às 20h, haverá a solenidade que marca os 64 anos da emissora, com o lançamento das operações com o novo parque de transmissões, que promete garantir um sinal com abrangência em toda a área regional do Pajeú e Diocese de Afogados da Ingazeira.

Ingressos limitados: segundo a Gerência da emissora, haverá um lote de ingressos limitado a venda em virtude da capacidade do Cine São José.

Isso porque há uma cota de ingressos para convidados, patrocinadores e sócios contribuintes em dia. Serão apenas cem ingressos ao custo individual de R$ 50. A compra pode ser feita pelo WhattsApp do Cine São José (87) 9-9600-7297 ou de quinta a domingo, na bilheteria do cinema.

Almir Bezerra é cantor, compositor e guitarrista de música popular brasileira. Ele foi um dos criadores do grupo The Fevers.

Natural de Recife. ajudou a fundar nos anos 60 o conjunto The Fevers,  juntamente com seus amigos Cleudir Telles Borges, Liebert Ferreira Pinto, Pedrinho da Luz e Lécio do Nascimento, Pedrinho e Lécio já falecidos.

Almir também compôs músicas para outros artistas brasileiros como Reginaldo Rossi, Adílson Ramos, Golden Boys, Erasmo Carlos, Tarcys Andrade, Samir Abou Hana, etc. Também trabalhou como produtor musical em 1978, produzindo pela EMI-Odeon o compacto duplo do seu amigo cantor pernambucano Iveraldo de Souza Lima, o Leonardo Sullivan.

90% dos sucessos dos Fevers foram gravados com a voz principal de Almir. Também montou importante carreira solo, com vários sucessos. Continua fazendo shows maravilhosos por todo o Brasil.

Prefeito sugere que há espaço para Danilo Simões na Frente Popular

Perguntado sobre a possibilidade de disputar com o filho da ex-prefeita Giza Simões e do ex-prefeito e ex-deputado Orisvaldo Inácio,  Danilo Simões,  Sandrinho disse não acreditar.

A leitura de Sandrinho é a de que Danilo certamente não teria disposição de se colocar em uma composição contra ele e José Patriota, dada a proximidade construída ao longo da história recente.

Danilo e Eugênia Simões criaram uma relação de maior proximidade a partir do reconhecimento do legado e importância da ex-prefeita e ex-deputado pelos nomes da Frente Popular. “Não o vejo se colocando contra mim e Patriota”, disse. Também afirmou não crer que seja um projeto já para 2024.

Entretanto disse não ter nada contra caso queira disputar agora, dizendo que qualificaria o debate.

Sandrinho elogiou muito Danilo pela história construída no segmento bancário e sua condução pessoal. E indicou que há espaço para que, pela história dos pais, ele possa se colocar como nome na Frente Popular. “Eu não o procurei porque soube através da imprensa”.

O prefeito sugeriu que Danilo certamente teria espaço de diálogo dentro da Frente Popular,  dando a entender que, por exemplo,  poderia ser um quadro a ser considerado em 2028.

Vice: o prefeito voltou a dizer que só discutirá 2024 em 2024. Disse que respeita os nomes colocados no debate da vice (Vicentinho e Gal Mariano se posicionaram esta semana), mas que o foco é trabalhar. Também que está muito satisfeito com Daniel Valadares como atual vice.

O gestor afirmou ainda que só disputará a reeleição bem avaliado,  o que acredita que acontecerá.  Assim, diz ser justa e natural sua candidatura.

Sandrinho ainda se emocionou a falar de sua saúde,  dizendo que chegou a ser levado por amigos e assessores ao Hospital Regional Emília Câmara por conta de complicações recentes.  Disse que a gestão lhe rendeu diabetes,  cabelos brancos e outros problemas,  mas que isso não o intimida.

Sandrinho mantém promessas, mas diz que crise atrasará cronograma

Gestor voltou a garantir concurso público,  municipalização do trânsito e readequação do tratamento de resíduos  sólidos na cidade

O prefeito de Afogados da Ingazeira,  Sandrinho Palmeira,  do PSB, foi o convidado do Debate das Dez do programa Manhã Total,  da Rádio Pajeú. 

Sandrinho voltou a afirmar que a crise de repasses obrigatórios como FPM e ICMS tem causado muita apreensão e cortes. Em números,  exemplicou a recente queda de 34% nos repasses e chegou a dizer que em Afogados foram R$ 600 mil a menos.

Destacou medidas como a redução da utilização das máquinas da prefeitura em ações como recuperação de estradas,  menor consumo de energia, redução de custos com eventos de inauguração e atividades como a Quinta Cultural.

Afirmou que pela primeira vez em meses, mudou a data de pagamento dos fornecedores,  reprogramada para o dia 15. “E possivelmente não pagaremos todos”. Em virtude dessa realidade, Sandrinho não descartou outros cortes futuros.

Voltou a prometer a realização do concurso público,  o plano de tratamento do lixo e a municipalização do trânsito.  “O concurso será do tamanho da nossa capacidade.  Não vou oferecer 200 vagas e depois não ter como convocar”.

Ele disse que o plano de tratamento do lixo está pronto, mas vai ter que esperar,  assim como o projeto da municipalização do trânsito.  Entretanto,  garante que irá tirar os projetos do papel. “Acabamos com o lixão. E nosso governo é o único a manter uma entrega por semana”, destacou. Ele disse que a ação continua porque os recursos vem de emendas, citando Pedro Campos e outros deputados parceiros. Afirmou que irá tirar do papel obras como  praça do São Francisco,  muito cobrada pelos moradores e dará sequência à ponte do São Cristóvão.

Sandrinho disse esperar na promessa do presidente Lula de recompor as perdas, mas disse que é fundamental que haja caráter retroativo na medida,  para reequilíbrio das contas.

Cão é envenenado em Afogados da Ingazeira

Parece que a maldade humana não chega ao fim. Mais um caso de envenenamento nos bairros de Afogados da Ingazeira. A população pede providencias as autoridades. Desta vez os fatos relatam um envenenamento de um cão no residencial Dom Francisco.

O ouvinte do programa Rádio Vivo da super Pajeú, e leitor de nosso blog Lobsan Gois, nos enviou imagens de cãozinho agonizando decorrente de envenenamento.

As imagens serão repassadas as autoridades pra que sejam tomadas as medidas cabíveis. Pedimos aos moradores da região do residencial Dom Francisco, que ao flagrarem nos envie fotos ou vídeos dessas pessoas que estão cometendo esse tipo de crime.

Vale lembrar que casos como esses estão se tornando corriqueiros na nossa região. É notório que Afogados tem um déficit de cães e gatos abandonados nas ruas da cidade, mas é muita maldade cometer esse crime contra os animas indefesos.

Fica aqui o nosso repudio contra esses covardes que cometem crimes contra os animais.

Gestão Sandrinho entrega rua pavimentada

O prefeito de Afogados da Ingazeira, Sandrinho Palmeira, foi ao bairro São Francisco, na manhã de sexta (08), inaugurar mais uma rua pavimentada em sua gestão.

A Rua Manoel Benedito de Paiva recebeu pavimento em paralelo, totalizando 516 m2, além de meio-fio, sarjeta, calçadas e iluminação em Led. O investimento da Prefeitura, em parceria com a caixa, foi de R$ 74.666,80.

A ação fez parte da programação da Maratona de inaugurações e entregas, que entrou em sua 32ª semana. Iniciada pelo Prefeito Sandrinho em Janeiro passado, a maratona promete prosseguir até o final deste ano.

“Essa obra, além de melhorar a vida dos moradores, libertando eles da poeira, da lama, trazendo mais dignidade, também será um importante elo de ligação quando a nova ponte – ligando os bairros São Francisco e São Cristóvão – estiver concluída. Estou muito feliz em poder compartilhar dessa alegria com a população,” destacou o Prefeito Sandrinho.

Além de Sandrinho e dos moradores, a inauguração também contou com as presenças do vice-prefeito, Daniel Valadares, secretários municipais, e os vereadores César Tenório, Toinho da ponte e Cícero Miguel, este último o autor do requerimento solicitando a pavimentação.

Sandrinho Palmeira inaugurou piscina de hidroterapia e sala de reabilitação virtual

O centro de reabilitação de Afogados da Ingazeira (CER lll) está comemorando quatro anos de funcionamento. E para celebrar essa data, o Prefeito Sandrinho Palmeira inaugurou uma piscina aquecida e com acessibilidade para os pacientes que precisam fazer hidroterapia. A piscina tem 10m de comprimento por 6m de largura e custou R$ 239.539,00. 

O espaço recebeu o nome de Ginásio de Hidroterapia Maria Ester Ferreira Zuza, que fazia tratamento no CER lll, filha do casal João Carlos e Magali Zuza.

Sandrinho também inaugurou a Sala de reabilitação virtual, com modernos equipamentos tecnológicos que vão contribuir na área de neuro-reabilitação. A sala recebeu o nome de Bruno Fernandes, outra criança atendida pela unidade. 

“Trabalhar na saúde, apesar de todas as dificuldades, é muito gratificante por poder ajudar a melhorar a qualidade de vida das pessoas, com dignidade, respeito e acolhimento,” destacou o Secretário de saúde de Afogados, Artur Amorim. 

Ele informou que está buscando a habilitação do CER lll junto ao Ministério da Saúde para transformá-lo em um CER lV, que permite a oferta de uma gama maior de serviços, e garante um aporte de mais R$ 200 mil mensais em recursos para custeio dos serviços ofertados. 

“Esse centro representa a grandeza do SUS, ofertando serviços especializados de reabilitação de qualidade, de graça e para todos, seja rico, seja pobre,” afirmou o Deputado Estadual José Patriota. 

“Esse é um momento de extrema alegria. Inaugurar um equipamento tão importante e tão necessário como é essa piscina aquecida para os pacientes que precisam fazer hidroterapia. Alegria por poder proporcionar, como gestor, equipamentos e serviços que vão ajudar muito na melhoria da qualidade de vida dos pacientes que são tratados aqui no CER,” finalizou o Prefeito Sandrinho Palmeira. 

Presentes à inauguração, o vice-prefeito Daniel Valadares, o responsável técnico pelo CER lll, Verandílson Zuza, vereadores César Tenório, Gal Mariano, Reinaldo Lima, Raimundo Lima, Vicentinho, Sargento Argemiro, Agnaldo Rodrigues, Erickson Torres, Cícero Miguel e Toinho da Ponte, autor do requerimento solicitando a obra.

Prefeitura de Afogados divulga empresa que fará concurso público

A Prefeitura de Afogados informa que, após finalizado o processo de licitação, a empresa que conduzirá o concurso público para preenchimento de vagas na gestão municipal será o Instituto de Apoio à Gestão Educacional – IGEDUC.

O resultado foi publicado na edição de ontem do diário oficial dos municípios. O instituto tem expertise na área, já tendo realizado concursos para diversas Prefeituras de Pernambuco.

A empresa já começa a trabalhar na elaboração do edital, que irá regular, dentre outras coisas, a quantidade de vagas e as áreas da gestão que serão contempladas.

“Esse é um dos compromissos que assumi com a população e é mais um que estamos cumprindo, garantindo a oportunidade para que os nossos jovens possam conquistar a estabilidade do serviço publico,” destacou o Prefeito Sandrinho Palmeira.

A partir desse momento, todas as informações, como o lançamento do edital, data das provas, dentre outras, serão informadas no site do IGEDUC: https://concursos.igeduc.org.br.

TJPE diz que concurso e Programa de Aposentadoria Incentivada vão reforçar Comarca em Afogados

Em nota ao blog, Tribunal admitiu dificuldades com falta de juízes, que geram acúmulo e paralisação de processos

Semana passada, a OAB Subseccional de Afogados da Ingazeira denunciou ao blog e à Rádio Pajeú que a Comarca de Afogados da Ingazeira está parada,  com processos represados e dificuldade de acesso à justiça pela sociedade.

A comarca de Afogados da Ingazeira, uma das mais importantes do interior, possui atualmente duas varas cíveis, uma vara criminal, uma vara regional da infância e uma central de conciliação. São milhares de processos em tramitação e nenhum juiz titular, segundo a presidente da entidade, a advogada Laudiceia Rocha.

O TJPE, através de sua assessoria, entrou em contato e se manifestou em nota:

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) reconhece as dificuldades verificadas, atualmente, em Afogados da Ingazeira e entende que a comarca necessita de um tratamento especial para que os problemas sejam minimizados.

Neste sentido, com base na Lei Complementar nº 500, aprovada em julho de 2022, o TJPE está criando uma segunda Vara Criminal. Já a Segunda Vara Cível do município, além das competências cíveis em geral, também terá a competência de julgar as ações na área da Infância e Juventude. Tudo para melhorar a prestação jurisdicional na comarca.

As iniciativas tomadas, porém, só serão totalmente percebidas quando houver a conclusão do Concurso Público para provimento do cargo de juiz (a) substituto(a). Assim, o Tribunal terá como preencher vagas existentes ou que venham a ser abertas no Sertão pernambucano.

Da mesma maneira, só após as movimentações decorrentes do Programa de Aposentadoria Incentivada (PAI), regulamentado em julho passado, será possível reforçar as comarcas do Sertão com mais servidores e servidoras.

Ainda assim, o TJPE também busca redistribuir servidores e servidoras para postos estratégicos como forma de minorar os efeitos da falta de pessoal.

Caso de estupro de vulnerável em Afogados destaca a necessidade de conscientização e políticas de proteção

Foto: Ilustrativa

Por André Luis

Um caso de estupro de vulnerável chocou a cidade de Afogados da Ingazeira, no interior de Pernambuco, reacendendo o debate sobre a proteção de crianças e adolescentes diante de situações de vulnerabilidade. Três homens foram presos após serem acusados de praticar um estupro coletivo contra uma menor de 12 anos. O crime, que ocorreu em um motel, levanta questões sobre a segurança dos menores e o papel da sociedade na prevenção desses atos abomináveis.

O estupro de vulnerável é caracterizado quando uma pessoa adulta mantém relação sexual ou prática libidinosa com um indivíduo menor de 14 anos, independentemente de consentimento. A vulnerabilidade da vítima é ressaltada pela sua idade, que a impede de compreender completamente as consequências de tais atos. A Delegacia da Mulher, cuja delegada titular é Andreza Gregório, investiga o caso e busca elucidar os detalhes do terrível crime.

No incidente em questão, os três homens envolvidos foram detidos em flagrante pela polícia, embora seus nomes não tenham sido oficialmente divulgados. O fato ressalta não somente a brutalidade do ato, mas também questiona o acesso de menores a locais inapropriados. A proibição clara da entrada de menores em estabelecimentos como motéis e a proibição de consumo de bebidas alcoólicas, tem como objetivo principal proteger a vulnerabilidade dos jovens e prevenir situações dessa natureza.

A discussão pública suscitada pelo caso reforça a urgência de conscientizar a sociedade sobre os perigos que crianças e adolescentes enfrentam e, igualmente, ressalta a necessidade de implementar políticas de proteção à infância e adolescência. Programas de conscientização e ações preventivas podem desempenhar um papel crucial na identificação e prevenção de tais abusos.

O papel da mídia também se mostra fundamental nesse contexto. A Rádio Pajeú, por exemplo, tem desempenhado um papel ativo ao dar voz a essas questões e promover debates públicos que buscam soluções para evitar casos semelhantes no futuro.

É vital lembrar que, em meio a todas as discussões, o foco deve sempre permanecer na vítima. A recuperação e o apoio emocional da pessoa que sofreu o abuso são prioritários. O sistema legal e as autoridades competentes têm a responsabilidade de assegurar que os perpetradores sejam responsabilizados por seus atos, garantindo, assim, a justiça e a proteção das vítimas.

O caso em Afogados da Ingazeira serve como um alerta para a sociedade e para as autoridades, destacando a importância de se criar um ambiente seguro para as crianças e adolescentes, onde esses crimes hediondos sejam prevenidos e punidos de forma rigorosa.